Reflexões e trabalhos realizados no âmbito do Mestrado em Educação, área de especialização em Educação e Tecnologias Digitais, da Universidade de Lisboa (2012-2014).

Educação e Tecnologias Digitais

Reflexões e trabalhos realizados no âmbito do Mestrado em Educação e Tecnologias Digitais.

Memória - Perspetiva Processual

A memória é uma das mais preciosas faculdades humanas. O treino da memória deveria ser uma das funções da escola. Memória e aprendizagem estão intimamente relacionadas: não existe compreensão sem conhecimentos bem organizados na memória.

PERSPETIVA PROCESSUAL

Para que temos memória?
Para que serve a memória?

Três funções essenciais:

Codificar
Armazenar e recuperar informação
Esquecer (Potter, 1991)

CODIFICAÇÃO

Superficial
Profunda (devia ser a mais utilizada nas escolas)
Craik & Tulling (1997) realizaram estudos funcionais da memória

Aspetos que influenciam a codificação da informação:
(com consequências ao nível da aprendizagem – memorização e recordação da informação)

Motivação
Emoções

RECUPERAÇÃO

Ato de pesquisar e restituir informação que está guardada para realizar as diversas atividades. A informação pode estar disponível e acessível ou disponível e não acessível (ex: ter o nome de alguém debaixo da língua).

Três categorias:

Rememoração livre
(ex: testes de consulta)
Rememoração indexada (ex: quando visualizamos um álbum de fotos)
Reconhecimento (ex: testes de escolha múltipla)

ESQUECIMENTO

É esta a função que torna a memória humana diferente dos computadores (nunca esquecem).
O esquecimento pode ser patológico (doenças) ou natural (envelhecimento).

Duas teorias do esquecimento:

Teoria do declínio (com o decorrer do tempo, devido à falta de ensaio).
Teoria da interferência (dificuldade na recuperação de uma dada informação devido a interferência de outra informação).

Ver Memória - Perspetiva Estrutural

Memória - Perspetiva Estrutural
Emoções